As Finanças do Corinthians em 2019

O 2019 das finanças do Corinthians foi marcado pela acentuação de uma tendência de piora dos resultados e indicadores que vem sendo verificada de forma mais nítida a partir de 2016.

O clube teve queda de 9% nas receitas, em um ano de crescimento de 17% do mercado como um todo, motivado pela redução de 62% nas receitas com vendas de atletas. Some-se a isso um aumento de 23% nas despesas, e vemos como resultado um déficit de R$ 177 milhões, o maior da história do clube. Como consequência, o Patrimônio líquido caiu 94% para apenas R$ 12 Milhões, e o endividamento líquido subiu 39% para R$ 765 Milhões, um dos maiores do País, mesmo sem considerar a dívida referente à Arena.

A piora financeira terá como consequência a perda de capacidade de investimentos no futebol, com efeitos na competitividade do time dentro de campo.

Acesse o relatório completo: https://www.pluriconsultoria.com.br/wp-content/uploads/2020/06/An%C3%A1lise-Financeira-Corinthians-2019.pdf

Assine a nossa newsletter